6 dicas de comportamento para GPs e acompanhantes de luxo

Aprenda como se portar antes e durante os encontros para alcançar o mais alto padrão, satisfazendo qualquer cliente!

Dicas de comportamento para acompanhantes de luxo, incluindo cuidados com a estética, como se vestir para cada ocasião e a forma correta de ser notada ao lado daquele cliente exigente.

Explicamos ainda a melhor forma de interagir durante os encontros, tornando a experiência mais confortável e luxuosa, como esperado!

1. Seja carismática

Esbanje carisma e educação desde o contato inicial no WhatsApp, demonstrando interesse em curtir aquela experiência.

Durante o encontro, sorriso no rosto e boas vibrações. Lembre-se que o cliente está lá para fugir da rotina, curtir momentos de prazer, então é importante garantir o melhor clima possível, além da companhia mais agradável.

O mesmo vale para um possível contato pós programa, afinal, partindo do pressuposto que o encontro foi legal, a intenção é garantir o retorno daquele bom cliente. Pode ter certeza que em um mês ruim, de aperto, os programas recorrentes garantirão a sua renda!

2. Não divida a sua atenção

Você está comercializando o seu tempo e companhia. Sendo assim, claro que o cliente espera ser único naquele momento!

Primordialmente, desligue o celular, tablet, notebook ou seja lá o que for para não ficar chegando mensagem. Além disso, evite conferir o horário frequentemente, demonstrando que você não vê a hora de sumir daquela cama.

3. Mantenha a aparência em dia

Cuidar dos cabelos, unhas, dentes e pele, através de cuidados básicos do dia a dia e tratamentos estéticos é um investimento, pode ter certeza!

Acompanhantes de luxo, assim como as modelos, entregam a aparência como cartão de visita, seja ao publicar anúncios online ou no exato momento em que encontram os clientes pela primeira vez.

Claro que a fidelização de um cliente vai muito além da beleza. É necessário caprichar no atendimento, mandar bem na cama, rolar aquela química e por aí vai… no entanto, reforçamos que à primeira vista o que importa é a aparência!

4. Vista-se de forma condizente com o local

Em um restaurante chique, por exemplo, você deve usar um belo vestido, porém, passando bem longe da vulgaridade!

Claro que o cliente quer desfilar ao seu lado, exibindo a mulher incrível que está acompanhado, porém, a intenção não é deixar perceptível para todos ao redor que se trata de uma acompanhante ou garota de programa.

Por outro lado, se o rolê programado é uma casa de swing, capricha no decotão ou saia curta, sem medo!

5. Proporcione um ambiente agradável

Caso você atenda em um local próprio, entregue toalhas limpas e sabonete individual, além de preservativos. Os lençóis e travesseiros devem estar impecáveis, como proporcionado por um bom hotel.

Se possível, ofereça um drink (não estamos falando para bancar a bebelança do rapaz, é claro), coloque uma musiquinha e meia-luz no quarto.

6. Evite o atendimento mecânico

Ambos sabem que o encontro está acontecendo somente mediante pagamento, porém, precisa escancarar?

É importante criar um clima, demonstrar estar envolvida e curtindo a companhia durante aquele período. Seguir um roteiro na transa, demonstrando frieza, falta de interesse e, por consequência, deixando bem claro que se trata de uma prestação de serviço, é algo capaz de afugentar seus clientes!

Por outro lado, não permita haver sentimento, seja da sua parte ou do cliente. No seu caso, manter o costume de se envolver mais do que o necessário, sabendo que vários homens passarão na sua vida, não será nada saudável. Com relação aos clientes, você pode acabar permitindo uma obsessão, sentimento de estar em um relacionamento contigo… novamente, nada bom!

Compartilhe esse post:

Artigos relacionados:

Defesa pessoal para garotas de programa: como se proteger sendo acompanhante
Guia completo para ser acompanhante de luxo e ganhar R$20.000 por mês em 2024
6 dicas para GPs de como tratar com seus clientes via WhatsApp (por Escorpianna)
WhatsApp para garotas de programa – Guia completo das melhores práticas!
Avatar photo
JP
Nascido em meados da década de 90, escreve para sites e blogs desde 2009, abordando temáticas variadas da forma mais autêntica possível.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *