Por que homens saem com prostitutas em 2020 (e vão sair cada vez mais!)

Você já reparou que homens recorrem muito mais ao sexo pago do que as mulheres?

No artigo de hoje vamos conhecer e entender melhor os motivos que fazem os homens procurarem garotas de programa, além de descobrir o porquê do crescimento da prática.

Bora lá?

5 motivos de por que homens procuram garotas de programa

Antes de entender por que a procura por garotas de programa vai aumentar, é importante entender os motivos que costumam fazer com que os homens recorram à elas.

No vídeo a seguir, gravado pela jornalista e educadora sexual Nathalia Ziemkiewicz, podemos ter uma boa visão sobre os principais motivos!

1. Sair com garotas de programa é mais prático

O cara teve um dia estressante e ao chegar em casa só quer transar. Perder tempo dando match no Tinder ou jogando papo no WhatsApp pode não resultar em nada, enquanto isso, entrar em contato com uma garota de programa e combinar o encontro é rápido e garantido.

2. É melhor pagar por sexo do que sair com mulher interesseira

A garota trabalha satisfazendo seus clientes sexualmente e você está disposto a pagar o valor informado por ela, simples assim. É algo honesto, não há enrolação. Você paga e recebe o que pagou.

Sair com uma mulher interesseira vai acabar te levando uma grana bem maior do que o cachê de uma acompanhante, e sem garantias de que o encontro acabará na cama.

3. Pode realizar qualquer fetiche sem julgamentos

Garotas de programa estão acostumadas com fantasias sexuais, das mais simples às mais estranhas. Tem preço para tudo, sem julgamento, do sexo anal aos fetiches que você não tem coragem de propor para uma ficante.

4. Não precisa se preocupar com o prazer da mulher

A garota de programa está ali desempenhando uma função: satisfazer seu cliente sexualmente. Ela pouco se importa se estar sendo recíproco.

Obviamente, se ambos estão com prazer, tudo funciona ainda melhor. Porém, o cliente não precisa se preocupar com isso, afinal, a garota estará dando seu melhor independente.

5. Superar nervosismo ou timidez

Pessoas tímidas, preocupadas com a própria aparência, sem autoconfiança, enfim… garotas de programa não costumam rejeitar clientes, pelo menos por esses motivos, não é mesmo?

A procura por garotas de programa vem aumentando até 2020, e vai aumentar ainda mais!

Como se já não bastasse, a procura por garotas de programa vai aumentar ainda mais. Isto por causa das mudanças sociais que estão acontecendo na nossa cultura.

Entenda:

1. As mulheres estão recebendo muita atenção no Instagram 

Hoje em dia as mulheres recebem várias mensagens por dia no Instagram. São caras reagindo aos stories, jogando papo, elogiando, e por aí vai.

Isso é algo comum, teoricamente, já que são os homens que costumam dar em cima e as mulheres que dizem sim ou não. Porém, com toda essa atenção que elas recebem nas redes sociais, a dificuldade de chegar nelas e ter um retorno positivo acaba aumentando ainda mais!

O autor Bruno Giglio, do canal Social Arts, define essa questão como um dos motivos dele preferir ser solteiro. Confira:

2. Banalização de ser sugar baby

Sugar baby é igual a prostituição, apenas com um nome mais bonitinho, como já explicamos no artigo O que é sugar baby e como encontrar a sua em 2020. Inclusive, vale citar também que antes as sugar babies eram conhecidas como “gold diggers”.

Este fenômeno é chamado de hipergamia feminina, o fato das mulheres desejarem homens teoricamente de valor, desejados por outras. No caso, ricos, bem sucedidos, que podem bancar uma vida luxuosa para elas.

Com essa normalização das “mulheres interesseiras”, homens acabam preferindo pagar por sexo, do que correr o risco de sair com uma mulher interesseira.

3. MGTOWs, Incels e homens que preferem ficar solteiros

MGTOWs são homens heteros que decidiram cortar as mulheres de suas vida, segundo eles, porque o movimento feminista arruinou nossa sociedade. Enquanto Incels se definem como incapazes de encontrar uma parceira, apesar de desejarem ter.

Para ambos os grupos, as garotas de programa são excelentes opções, afinal, não há um suposto jogo romântico imposto pela mulheres, nem muito menos a possível rejeição.

A prostituição nunca vai acabar

No vídeo abaixo, Pedro Albuquerque, fundador do Paradise Girl, explica porque é impossível acabar com a prostituição. Pedro acredita que enquanto houver demanda por este tipo de serviço

Porque históricamente os homens procuram mais sexo pago do que as mulheres

1. A aparência é um apelo maior para os homens

A prostituição de luxo permite aos homens ter na cama a mulher que ele sempre sonhou, esteticamente falando, sem precisar correr atrás e se arriscar a levar um não. É possível sair com aquela capa de revista masculina, naipe Panicat, siliconada, enfim… e isso fala bem alto para o lado masculino.

Mulheres também curtem um corpo sarado, porém, normalmente outros fatores falam mais alto.

2. Homens costumam distinguir melhor sentimento e sexo

Uma pesquisa realizada na Espanha sobre homens que saem com acompanhantes, pela Universidade de Vigo, sugere que homens recorrem mais a prostituição porque separam amor e sexo melhor do que as mulheres. Inclusive, a título de curiosidade, o que eles mais valorizam no serviço é não ter que conversar com a garota depois.

Prostitutas são e continuarão sendo uma opção válida para os homens

Como vimos no decorrer do artigo, garotas de programa e acompanhantes de luxo suprem carências e realizam desejos oprimidos dos homens, que por sua vez, estão totalmente confortáveis em pagar um determinado valor por isso.

Sendo assim, não há cenário visível, nem em um bom período de tempo, que transforme o ato de sair com prostitutas em alto não viável para os homens.

Você concorda com todo esse papo? Não hesite em deixar a sua opinião na seção de comentários!

Compartilhe esse post:

Artigos relacionados:

Por que homens saem com prostitutas em 2020 (e vão sair cada vez mais!)
O que o feminismo diz sobre a prostituição?
Séries, filmes e novelas que falam sobre garotas de programa
Por que os homens estão abandonando o Tinder e saindo com acompanhantes
JP
JP
Nascido em meados da década de 90, escreve para sites e blogs desde 2009, abordando temáticas variadas da forma mais autêntica possível. Amante de música eletrônica, vida noturna e, o elemento não pertencente ao conjunto, cultura nerd.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *