Antes de contratar uma acompanhante no Gata Urbana, leia este artigo!

Para facilitar o processo de contratação de garotas de programa, a equipe Paradise Girl decidiu realizar uma pesquisa apurada com os principais sites do ramo no Brasil.

Listamos informações e aspectos que julgamos importantíssimos, para que você possa avaliar se o site em questão é realmente uma boa opção.

Hoje, trataremos sobre o Gata Urbana:

Informações do Gata Urbana

Cidades disponíveis

  • Florianópolis
  • Balneário Camboriú
  • Curitiba
  • Londrina
  • Maringá
  • Porto Alegre
  • São José do Rio Preto
  • Ribeirão Preto
  • Belo Horizonte

Funções interessantes

  • Selo de verificação para diferenciar garotas comprovadas pelo site.
QzyJR8 3SK4JdQipyrk1rPOpW 1
  • Boa abrangência de cidades na região Sul.

Pontos negativos

  • Muito texto desnecessário, fazendo com que a identidade visual do site se aproxime a de um blog. Fora do padrão do ramo, porém não para melhor.
  • Design pouco atrativo.

Avaliação do Gata Urbana

Separamos 7 quesitos, com notas de 0 a 10, ou valores mais específicos quando necessário, para julgar o site. Vamos aos resultados:

  1. Facilidade de navegação: Nota 6
  2. Velocidade de carregamento (Google PageSpeed Insights): Nota 5
  3. Recursos: Nota 4
  4. Valor médio das garotas: R$ 200
  5. Nível das garotas: Nota 7
  6. Aparência do site: Nota 7
  7. Quantidade de fakes: 15,00%

Procurando por acompanhantes de luxo nas principais cidades brasileiras? Conheça o Paradise Girl

izVId23o9GwVtTUBIHfvyvZzBqnAUfL9jo1y PF6z6SVwYENdpgczouANyrNopWAGIu77ogb0u2znax7nLsLeb6ZNByw j4 3

Diferente do Gata Urbana, que aponta seus caminhos para o usuário com textos e links, o Paradise Girl desempenha tal função com artes e funcionalidades feitas sob medida. Nossos designers e desenvolvedores apostam nas melhores práticas de User Experience, criando assim um site prático, leve e veloz! 

Isso é possível graças ao modelo de negócio do Paradise Girl, cujo a equipe conta atualmente com 7 funcionários e 2 sócios, permitindo assim que cada função seja desempenhada pelo seu respectivo responsável.

Parece interessante? Corre lá para conferir as acompanhantes de luxo do Paradise Girl!

Compartilhe esse post:

JP
JP
Nascido em meados da década de 90, escreve para sites e blogs desde 2009, abordando temáticas variadas da forma mais autêntica possível. Amante de música eletrônica, vida noturna e, o elemento não pertencente ao conjunto, cultura nerd.

Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *